Loading...

Chegada de Alfonso Herrera ao Teatro Amazonas

4,339 views

Loading...

Loading...

Loading...

Rating is available when the video has been rented.
This feature is not available right now. Please try again later.
Published on Nov 4, 2011

Manaus - Até a próxima quarta-feira (9), Manaus será a capital do cinema. Isso porque teve início na noite desta quinta-feira (3) a oitava edição do Amazonas Film Festival (AFF). A festa de abertura aconteceu no Teatro Amazonas e contou com a presença de grandes nomes do cinema local, nacional e internacional. O homenageado da noite foi o cineasta Fernando Meirelles, que será presidente de honra do evento. O filme "Xingu", de Cao Hamburguer, foi exibido com exclusividade e marcou o fim da primeira noite de festa.

O tradicional tapete vermelho atraiu alguns fãs, principalmente as fãs do ator e cantor mexicano Alfonso Herrera, que fará parte do júri de longa-metragem internacional do 8º Amazonas Film Festival. Após causar tumulto durante a sua chegada no aeroporto na noite de quarta (2), Herrera foi o artista mais aclamado pelo público feminino dentro e fora do Teatro.

Fã desde a época em que o rapaz fazia parte do grupo 'RBD', a universitária Priscila Almeida, 18, estava no local desde às 12h por medo de não conseguir um bom lugar para tentar falar com o ídolo. "Ele é lindo, atencioso com as fãs e talentoso", destacou a moça. Ela não estava sozinha. Integrantes do fã clube 'Afonso Herrera World'.

Nem só de galãs foi composto o tapete vermelho. O ator Tonico Pereira, conhecido pelo seu trabalho na série global Grande Família, será um dos homenageados e se disse feliz e encantado por poder voltar ao Amazonas. "Uma homenagem é sempre boa, já dizia Nelson Cavaquinho. Já filmei um filme e fiz teatro aqui com Elba Ramalho e Tânia Alves", lembrou o ator.

Mesmo sem conhecer muito do cinema amazonense, o produtor do filme 'Xingu', exibido nesta primeira noite de festival, Fernando Meirelles, disse acreditar que essa é a oportunidade perfeita para o lançamento mundial do novo longa. "Tínhamos convites para exibir em festivais do Rio de Janeiro e São Paulo, mas achamos que simbolicamente era mais interessante trazer pra cá", destacou ele, que também comemora os 50 anos da criação do Parque Nacional do Xingu.

O filme conta a história dos irmãos Vilas-Bôas que muito lutaram pela preservação daquela região e criaram o Parque. "Esses três irmãos, na década de 40, perceberam o que poderia acontecer com o interior do Brasil. Eles passaram a vida brigando, tentando segurar o homem branco e fazer com que a ocupação fosse de forma ordenada", resumiu o produtor do filme.

Indicado ao Oscar de melhor diretor com o filme Cidade de Deus, Meirelles foi homenageado com um vídeo que reuniu passagens do seu trabalho.

Loading...

When autoplay is enabled, a suggested video will automatically play next.

Up next


to add this to Watch Later

Add to

Loading playlists...