Loading...

Segundo Congresso Internacional de Transcomunicação Instrumental - Parte 2 - 8 de 8

549 views

Loading...

Loading...

Transcript

The interactive transcript could not be loaded.

Loading...

Loading...

Rating is available when the video has been rented.
This feature is not available right now. Please try again later.
Published on Nov 1, 2010

Segundo Congresso Internacional de Transcomunicação Instrumental - Parte 2 - 8 de 8.

"A Transcomunicação Instrumental, essa admirável proposta dos tempos modernos, leva-nos aos dias missionários de Allan Kardec. À época do Codificador, a transcomunicação estava presente nas primeiras mensagens através da mesa pé-de-galo, ou depois, na pequena cesta de vime, ou de outros fenômenos, pela manifestação das mensagens fixadas em ardósia, sem contato humano.

Mas à criatura humana sempre interessou criar aparelhos para entrar em contato com o Além: Edson, Marconi, foram pioneiros que imaginaram a possibilidade de a máquina gravar as vozes da imortalidade. No Brasil, o sr. Cambraia patenteou um instrumento que poderia realizar essa tarefa. Mas foi mais ou menos no mês de junho de 1956, em Estocolmo, que um homem dedicado a gravar pássaros, Friederich Jürguenson, gravou pela primeira vez uma voz do mais Além.

Eu tive a alta alegria de conhecer a sua secretária em Estocolmo, no ano de 1992, através da nossa tradutora ao sueco. E ela contou-me os detalhes das experiências de Jürguenson. Ele publicaria mais tarde uma síntese no livro "Telefone para o Além". As suas experiências ensejaram ao grande pesquisador Raudive dar prosseguimento. Mas nessa época, já o grande engenheiro Meek tentava nos EUA realizar esse admirável trabalho, utilizando o Spiricom. Através de três gerações suscessivas e tentativas de Spiricom, eles lograram gravar vozes atribuídas inclusive a Charles Richet, o pai da metapsíquica humana. E gravarem em duas mãos: fazendo perguntas e colhendo as respostas.

O processo evoluiu, e segundo os pesquisadores, vieram as comunicações através da eletrônica: dos computadores, da telefonia e também do Vidicom.

Os postulados desses investigadores da Suíça, de Luxemburgo, Paris, os Congressos realizados no Brasil, sob o patrocínio da venerável entidade que alberga os médicos espíritas do país, sob a presidência da dr.ª Marlene Severino lie, divulgam e confirmam a imortalidade da alma, a reencarnação, à conceituação espírita".

(Fonte: Depoimento de Divaldo P. Franco no programa "Espiritismo Via Satélite", dia 02/11/97)

Loading...


to add this to Watch Later

Add to

Loading playlists...