Loading...

SciELO 15 Anos - Como as bibliotecas podem [...] periódicos -- UNAM, por José Adolfo Gallardo

138 views

Loading...

Loading...

Transcript

The interactive transcript could not be loaded.

Loading...

Rating is available when the video has been rented.
This feature is not available right now. Please try again later.
Published on Feb 5, 2014

Como as bibliotecas podem ajudar no aperfeiçoamento dos periódicos -- UNAM, por José Adolfo Gallardo

As bibliotecas são as grandes consumidoras de periódicos de pesquisa, e por isso que estão conscientes do valor que devem pagar para adquiri-los, assim como a importância que tem como divulgadoras do conhecimento e como base da geração de conhecimento novo. Isto é, as bibliotecas são as que concentram uma grande variedade de títulos que representam diversos focos dependendo da orientação que cada pesquisador tenha perante a problemática científica que aborda. Além de adquirir os periódicos, devem ser ordenados e preservados para que possam ser utilizados quando seja necessário consultar os artigos que contêm em cada um dos seus números. Estas entidades têm ajudado os índices para acesso rápido e preciso à informação. Assim ficaram conscientes da necessidade de ter linguagens que permitam a localização eficiente. Estas linguagens podem ser cabeçalhos de matérias, unitermos, palavras-chaves, ou como deseje chamar ao processo de atribuir uma temática a cada artigo. As bibliotecas utilizam várias formas de compartilhar a informação, desde o empréstimo interbibliotecário até a utilização da produção científica em acesso aberto; passando pelas diferentes formas de enviar uma cópia de cada trabalho, seja em xerox, microfilm, cd, ou qualquer outro formato. Nos países desenvolvidos foi promovido a bibliometria como um elemento de avaliação da ciência produzida em suas universidades e centros de pesquisa. Os índices internacionais cobrem bem as ciências naturais e nestes estão representados os científicos latino-americanos que publicam nos periódicos internacionais que contam com avaliação de pares. A produção humanística e de ciências sociais não tem a mesma cobertura porque publicam em periódicos locais e em idioma espanhol ou português. Isso que SciELO surge como uma opção para analisar, valorar e divulgar o trabalho científico produzido na região; e que inclui todas as áreas do conhecimento. As bibliotecas universitárias e de pesquisa são as mais interessadas no surgimento de SciELO, pois é uma opção importante de divulgar a produção nacional e regional dos científicos latino-americanos. Conhecer o que esta sendo publicado especificamente em cada país e de forma general na América Latina tem facilitado o conhecimento da ciência regional. Poder contar com medições que quantifiquem o impacto de cada trabalho e da obra de um autor. Esta medição de trabalho permite projetar a essa obra de forma diferente. Com o surgimento dos rankings de universidades, o trabalho realizado por SciELO cobra uma maior dimensão. O trabalho desenvolvido por esta rede permitiu redimensionar a produção científica. Tal é o caso, que para as bibliotecas universitárias é muito importante que os autores-usuários de suas bibliotecas sejam vistos e valorados de forma distinta, baseado em dados duros e não simplesmente em um critério subjetivo. - See more at: http://www.scielo15.org/programa/#1


Apresentação disponível para download em: http://www.slideshare.net/scielo/cmo-...

Loading...

When autoplay is enabled, a suggested video will automatically play next.

Up next


to add this to Watch Later

Add to

Loading playlists...