Loading...

Alckmin cobra explicações sobre caso de escrivã revistada à força

79,407 views

Loading...

Loading...

Transcript

The interactive transcript could not be loaded.

Loading...

Loading...

Rating is available when the video has been rented.
This feature is not available right now. Please try again later.
Uploaded on Feb 21, 2011

Mesmo com o caso encerrado pela Corregedoria e pelo Judiciário, o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, mandou investigar imagens de uma escrivã algemada e revistada por policiais masculinos, em uma delegacia na zona sul de São Paulo. As cenas são de junho de 2009 e foram divulgadas com exclusividade nesta sexta-feira, no "Jornal da Band".

A escrivã, acusada de receber propina, é despida na frente de colegas. Ser revistada por uma pessoa do sexo feminino é direito garantido por lei à mulher.

A Corregedora ressalta que as gravações não foram mantidas em sigilo e faziam parte dos processos. Mas um despacho da própria Corregedoria, de janeiro de 2010, mostra que o delegado que presidia o inquérito decidiu que o áudio da filmagem não era de interesse para a investigação. As imagens também não constam no processo judicial contra a policial expulsa.

A ex-escrivã responde a processo criminal por concussão, que é a corrupção praticada por funcionário público. Já o processo por abuso de autoridade contra os delegados Eduardo Henrique de Carvalho Filho e Gustavo Henrique Gonçalves foi arquivado. Tanto o Ministério Público, quanto a Justiça, consideraram legal a ação dos policiais da Corregedoria.

Loading...

When autoplay is enabled, a suggested video will automatically play next.

Up next


to add this to Watch Later

Add to

Loading playlists...