Loading...

Capitão Fausto - Mil e Quinze

21,082 views

Loading...

Loading...

Loading...

Rating is available when the video has been rented.
This feature is not available right now. Please try again later.
Published on Sep 6, 2016

Subscreve o canal aqui: https://goo.gl/SHm2Z6
Album disponível: https://CapitaoFaustoDiasContados.lnk...

Letra:

Pela minha cabeça cortei um braço,

No Burquina Faso hei-de me encaixar.
Esta nossa conversa só tem um lado:
Entro sempre fresco, saio a patinar,
Cada um no seu lugar.
Calculei:
Só preciso de um ano, saiu furado.
Mas não foi engano, a vida é mesmo assim.
Ai, quem me dera ser desculpado.
Mil e quinze foi bera mas chegou ao fim.
Cada um no seu lugar,
Enquanto houver amor pra dar.
Levamos com a molha até a chuva passar.
A espera vai longa, a posição já cansou.
Vai na ventania a porcaria a voar.
Passados os ventos vemos sol a brilhar.

O respeito perdura. Tu daqui para a frente
Posta em armadura, posto pra durar.
Vou matar esta festa, entrego-me à leitura.
Acabamos amigos antes de eu quinar.
Tu plantaste a hortênsia, fica na memória,
E a crescente prudência, só te a devo a ti.

Ai, quem me dera que outra fosse a história.
Mil e quinze foi merda, mas chegou ao fim.
Cada um no seu lugar,
Enquanto houver amor pra dar.
Levamos com a molha até a chuva passar.
A espera vai longa, a posição já cansou.
Vai na ventania a porcaria a voar.
Passados os ventos vemos sol a brilhar.

Pela minha cabeça cortei um braço,

No Burquina Faso hei-de me encaixar.
Esta nossa conversa só tem um lado:
Entro sempre fresco, saio a patinar,
Cada um no seu lugar.
Calculei:
Só preciso de um ano, saiu furado.
Mas não foi engano, a vida é mesmo assim.
Ai, quem me dera ser desculpado.
Mil e quinze foi bera mas chegou ao fim.
Cada um no seu lugar,
Enquanto houver amor pra dar.
Levamos com a molha até a chuva passar.
A espera vai longa, a posição já cansou.
Vai na ventania a porcaria a voar.
Passados os ventos vemos sol a brilhar.

O respeito perdura. Tu daqui para a frente
Posta em armadura, posto pra durar.
Vou matar esta festa, entrego-me à leitura.
Acabamos amigos antes de eu quinar.
Tu plantaste a hortênsia, fica na memória,
E a crescente prudência, só te a devo a ti.

Ai, quem me dera que outra fosse a história.
Mil e quinze foi merda, mas chegou ao fim.
Cada um no seu lugar,
Enquanto houver amor pra dar.
Levamos com a molha até a chuva passar.
A espera vai longa, a posição já cansou.
Vai na ventania a porcaria a voar.
Passados os ventos vemos sol a brilhar.

Não esqueças de subscrever o canal: https://goo.gl/SHm2Z6

  • Category

  • License

    • Standard YouTube License
  • Song

    • Mil e Quinze
  • Artist

    • Capitão Fausto
  • Licensed by

    • SME (on behalf of Sony Music Entertainment)

Loading...

Advertisement
When autoplay is enabled, a suggested video will automatically play next.

Up next


to add this to Watch Later

Add to

Loading playlists...