IN
Upload

Loading icon Loading...

Alert icon

This video is unavailable.

LOUCAS HORAS ( HD) - Guilherme Arantes no show "Tour 35 anos " -HSBC Brasil

Sign in to YouTube

Sign in with your Google Account (YouTube, Google+, Gmail, Orkut, Picasa, or Chrome) to like Planeta Guilherme Arantes Fã Clube's video.

Sign in to YouTube

Sign in with your Google Account (YouTube, Google+, Gmail, Orkut, Picasa, or Chrome) to dislike Planeta Guilherme Arantes Fã Clube's video.

Sign in to YouTube

Sign in with your Google Account (YouTube, Google+, Gmail, Orkut, Picasa, or Chrome) to add Planeta Guilherme Arantes Fã Clube's video to your playlist.

Uploaded on Nov 7, 2011

Imagens: Fã Clube Siga-nos no twitter: http://twitter.com/arantes_faclube

Um show irrepreensível - na última passagem por São Paulo , este ano, da "Tour 35 Anos" de Guilherme Arantes
  
Não ... dessa vez ele não "brigou" com o pedal ... Dessa vez saiu tudo direitinho como previsto ... E como!... Muito bom para um leonino perfeccionista como Guilherme Arantes ....
E o show do HSBC Brasil iniciou-se exatamente como o do Citibank Hall SP, com "Raça de herois", da trilha da telenovela "Que rei sou eu?! (1989) e cumpriu a mesma setlist. Seguiram-se "A cidade e a neblina", do primeiro LP, de 1976, e depois, "Taça de veneno", do CD de 1992 -- Crescente.
A banda, composta pelos músicos Luiz Sérgio Carlini, Willy Verdaguer, Alexandre Blanc e Gabriel Martini, arrasava .... Guilherme impecável nos vocais.
O público de São Paulo, depois da macarronada e da maratona de futebol do brasileirão no domingão, foi pra lá visivelmente para relaxar. E foi o que se deu. Público em silêncio, ouvindo Guilherme atentamente ....
De vez em quando, um marido abraçava a esposa, um namorado beijava a namorada ... Um suspiro aqui outro ali .... Vez por outra, um arroubo emocional -- como ao final de Prelúdio (O amor nascer), que Guilherme executou somente ao piano, e que arrancou aplausos exaltados da plateia.
Guilherme completou a sequência solo ao piano com "Muito diferente", homenagem a John Lennon e Baile de máscaras" - dedicada ao Fã Clube de São Paulo -- Planeta Guilherme Arantes.
 A seguir, voltou à formação com banda. Cantou "Coração Paulista", do LP homônimo de 1980, e "Perdidos na selva", sua parceria mais famosa com Júlio Barroso, de 1981.
 Pouco depois, não se furtou a comentar a estória da gravação da sequência de "Xixi na Estrelas", canção que ele compôs em parceria com o poeta paranaense Paulo Leminski, para o especial Pirlimpimpim 2 da Globo.
 A produção "me colocou em cima de um cavalo" disse o artista ... " e o cavalo era meio desnutrido, coitado ..." .... O público veio abaixo com a sinceridade desconcertante do cantor e compositor paulistano do Bixiga ....
 A canção "Um dia um adeus" foi dedicada à Luiza -- mãe de três de seus cinco filhos - que estava na plateia, prestigiando o ex-marido.
 As canções "Coisas do Brasil" e "Marina no ar" voltaram a impactar o público presente.
Guilherme dedicou a canção seguinte - "Louca horas" - à equipe do programa Estádio97 da Rádio Energia 97 FM, que estava presente no show, e que o recebeu tão bem, no dia 28 passado. Na galeria -- entusiasmadíssimo - o @benja97 cantou e dançou como criança. Extensão do aniversário ainda, Benja?! ... rs ...
 Ao final, depois de "Olhos vermelhos" e "Deixa chover", o bis já famoso com "Lindo balão azul" - dedicado à mãe Dona Hebe - levantou mais uma vez a plateia.
Guilherme Arantes 35 Anos no HSBC Brasil! Mais um show memorável para todos os fãs!

  • Category

  • License

    Standard YouTube License

Loading icon Loading...

Loading icon Loading...

Loading icon Loading...

Loading icon Loading...

Ratings have been disabled for this video.
Rating is available when the video has been rented.
This feature is not available right now. Please try again later.

Loading icon Loading...

Loading...
Working...
Sign in to add this to Watch Later

Add to